sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Fugir de mim mesma... eh exatamente isso que nao da
fingir que tudo anda bem, que brigar nao eh normal
que detalhes nao vao fazer diferencas e nem mostrar quem somos
que desabafar so nos fara mal, que o dia vai amanhecer e tudo
tudo mesmo, vai ser perfeito.
Fugir pra fora de mim, nao prestar antencao em vc
sermos amigos e amantes apenas, fingindo algo amais
fugir do anoitecer, fugir do chorar pra adormecer
fugir do amar pra nao morrer.
De coisas que nem conta mais, das reais que coisas que me satisfazem
fugir do esperar com esperanca, do acreditar com lembrancas
fugir do sou amigo vazio, amigo do frio, amigo do momento

Sair de dentro de mim, nao...nem quero mais ficar aqui
pra que dormir?
parece perfeito demais pra mim, e perfeicao eh sinal de erro
de conclusao mal tomada, de coisas nao desabafadas
de sentimentos conrrompidos e programados para amar.
Fugir de nao ter tesao, nem tensao
fugir do normal com medo do anormal
de ser mais eu e menos voce, de me importar sem ganhar
e me dedicar sem perder
perder a razao, ganhar a inspiracao
trazer de volta o nao coracao, que nao batia aqui dentro
e nao quer voltar a bater.


Monica Lima

quinta-feira, 28 de julho de 2011

:D

Sou



Sou assim, meio sozinha meio acompanhada


meio luz meio nada.


Sou perdida sou jogada, me encontro no meio do nada


Sou palavras e o sou silencio que agonia tua jornada.


Sou amiga sou amada, sou fada e novamente me perco no nada


Sou a estranha sou a chata, sou aquela tristeza sou vazio


Sou aquela que cobra atencao e da de acordo com o que recebe


Sou indiferente.






Nao espere meus sorrisos sem lagrimas, pois sou assim


nao se surpreenda por ver que sou fria, porque na verdade sou racional


Sou menina sou muleque, sou rancor , sou amor


e me perco no nada.


Monica Lima

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Minha hamster :) 

terça-feira, 31 de maio de 2011

O Apelo de um Hamster


O Apelo de um Hamster - DONOS, LEIAM.


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -


Esta gaiola está tão suja, o jornal embolado, fedor de urina e fezes espalhadas, eu sei,mas não posso limpar. Isso é função do meu dono, mas ele não tem feito nada. Ele já não se importa mais comigo, acho que está enjoado de mim, sei q isso acontece: primeiro sou uma novidade, depois cansam. Humanos! O que me resta é viver como posso aqui dentro, e confesso que até já me acostumei. Passo os dias zanzando de um lado para o outro. Não há muita coisa para fazer em um espaço tão pequeno. De vez em quando afio meus dentes num canto da gaiola, para q não cresçam demais e perfurem meu céu da boca, me dilacerando o cérebro. Se eu comesse mais, não precisaria fazer isso, mas o problema é q até de me alimentar ele esqueceu. Lembro dos dias em que meu pote estava cheio de comida, sements de girassol, maçãs, todo tipo de frutas sempre, e era bom. Eu sentia aquele cheiro e corria ao pote. Ele ria enquanto eu enchia as bolsas de minhas bochechas com aquela fartura. Agora nem água eu tenho mais..
Ah, eu me lembro quando ele trouxe amigos para me ver, e brincaram

comigo. Um deles me apertou demais e eu mordi, e então me colocaram de volta na gaiola. Mesmo assim continuei a ganhar comida e água, como sempre. Mas um dia o dono sumiu, será que foi por que eu mordi seu amigo? Mas só fiz isso por que ele me apertou e doeu, tive que avisá-lo q não me sentia confortável nas mãos dele e essa foi a única maneira de fazê-lo me soltar. Nunca mais senti o cheiro do meu dono. Desde então fico aki no meio destes jornais sujos e dos potes vazios, esperando. Já pensei em dar uma volta na minha rodinha,como sempre fazia, mas não tenho forças. Hoje decidi que não vou mais andar pela gaiola, nem afiar dentes, nada. Ficarei quietinho aqui no meio da gaiola, esperando. Mas ele não volta, a porta do quarto não se abre, as janelas continuam fechadas. Um dia ele aparece. Respiro fundo, me deito e espero.


Donos, nunca deixem isso acontecer com o hamster de vocês. Eles estão completamente indefesos dentro da gaiola, não conseguem extrair comida, pois na gaiola só existe plástico e ferro. A gaiola precisa ser limpa com frequencia. Quando ficam doentes, dependem do dono levá-los num veterinário, e devem ficar extremamente tristes quando o dono amado decide perguntar na internet ao invés de levá-lo num médico que estudou 6 anos para poder curá-lo.


este artigo foi utilizado em:
http://petsbr.com/?p=1315


domingo, 1 de maio de 2011

Amor incondicionalmente infinito.Te amo mãe!







A história da criação do Dia das Mães começa nos Estados Unidos, em maio de 1905, em uma pequena cidade do Estado da Virgínia Ocidental. Foi lá que a filha de pastores Anna Jarvis apos perder a sua mãe começou um movimento para instituir um dia em que todas as crianças se lembrassem e homenageassem suas mães.

A idéia era fortalecer os laços familiares e o respeito pelos pais. Para Anna, a data tinha um significado mais especial: homenagear a própria mãe, Ann Marie Reeves Jarvis, falecida naquele mesmo ano. Ann Marie tinha almejado um feriado especial para honrar as mães.

Durante três anos seguidos, Anna lutou para que fosse criado o Dia das Mães. A primeira celebração oficial aconteceu somente em 26 de abril de 1910, quando o governador de Virgínia Ocidental, William E. Glasscock, incorporou o Dia das Mães ao calendário de datas comemorativas daquele estado. Rapidamente, outros estados norte-americanos aderiram à comemoração.

Em 1914, a celebração foi unificada nos Estados Unidos, sendo comemorado sempre no segundo domingo de maio. Em pouco tempo, mais de 40 países adotaram a data.

O primeiro Dia das Mães brasileiro foi promovido pela Associação Cristã de Moços de Porto Alegre, no dia 12 de maio de 1918. Em 1932, o então presidente Getúlio Vargas oficializou o feriado.

Mas Anna não foi a primeira a sugerir a criação do Dia das Mães. Antes dela, em 1872, a escritora Julia Ward Howe chegou a organizar em Boston um encontro de mães dedicado à paz.









quinta-feira, 28 de abril de 2011

Suicidas.

Não serve ficar aqui sabendo o final, talvez o que tenha sido escrito foi posto por isso causar o medo de não mudar nada, estar em constante solidão eterna, talvez no frio talvez no calor, talvez nem faça muita diferença,iremos de todo modo, por que não escolher? será mais um pecado mesmo a penar? dos graves?
dos graves não seria viver para morrer?


Se imagine em um quarto escuro e fechado, só a espera do amanhecer pra alguém passar comida pela porta,
alguns dias abertos, e você de tão acostumado tem até medo de sair, de se conhecer de saber até onde é capaz de ir, mas o pior mesmo é saber que vai voltar, se encontrar e se perder em seguida, talvez o fim esteja tão longe quanto quem deseja que ele esteja, nada faz sentindo o ciclo da vida é fajunto, quem brinca assim?
será alguém que sente o mesmo? ou será alguém que foi igualmente obrigado a sentir? sim, isto se chama desespero, de não poder fazer a própria saída, de estar trancafiada em si mesmo, sempre poder mais e ter menos, de não saber os porques e praques, dessa angústia que acompanha as noites e os dias, de lutar e apenas gastar forças de um  mundo incompatível, de ficar recebendo sangue e o perdendo de todas maneiras, de ser recolocado a serviço de nada.Alguém ai responda-me, o que é isso? 
Não deveria ser algo fascinante ter ar nos pulmões? ter pelo o que viver? 
ou seria ainda mais sonhar? dormir, fantasiar, se fechar para a realidade e imaginar que esta tudo bem?
na ordem que você deseja, que você adoraria que estivesse?
Porque ninguém me ouve e muito menos me entende.
Talvez sem motivo de criação alguém resolveu brincar.

Monica Lima

terça-feira, 26 de abril de 2011

Rendição.

Ah....o dia todo completamente nosso!Só de pensar já vem os suspiros quase incontroláveis
a imaginação surta, como dois corações acelerados, unidos, despidos de inocência e vestidos pelo amor
eu ficaria a eternidade entregue a essa doce canção.Não precisa de cenários ou qualquer tipo de coisa romântica, apenas duas almas, acompanhadas pelo prazer da companhia uma da outra, almas que se completam sem submissões e medos, almas amigas e amantes, que tentam compreender e amar, pois sabem que qualquer prática de proibição é apenas o começo do adeus, vejo anjos simpáticos pairando no ar para nos apreciar
eles ouvem e vêem sem maldade alguma dentro de si, pois sabem quando é por amor, quando não há maldade interior, de espíritos lavados, banhando os corpos em meio ao suor da paixão...
Essa doce rendição que meu ser súplica para si, essa ilusão de paz serena, com o céu sobre os pés e o mar
sob o olhar, toques iluminados, cheirando a algo sem conhecimento terreno, querendo sempre mais e mais
fazendo juras eternas, se entregando ao momento.


Monica Lima

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Am...

Casais unidos pelo coração:
companheiros,ouvintes,respeitadores.
Casais unidos pela alma:
amigos,amantes, confidentes,compreensivos,apaixonados.
Casais unidos pelo corpo: 
desejos, fantasias, descobrimentos
Casais unidos pelo tempo: 
superação.união e cuidado redobrado.
Amizade, a fonte da juventude do relacionamento,sempre adolescentes se conhecendo,aprendendo, defendendo e amando,olhe bem no  fundo dos olhos, e veja a sinceridade da doação do outro ser, em ser e fazer feliz o amigo, da raiva quando você tem raiva, e dos olhos cheios de lágrimas
quando você está chorando....esse é o amor puro.
Que leva e recebe paz.




Mudando de assunto.


Tão próximos e tão distantes ao mesmo tempo
é assim a rotina de muitos casais desde sempre,
bate mais ainda a saudade nas datas comemorativas
ligadas aos mesmo, ver os pombinhos por ai andando
beijando...falando nisso hoje é o dia do beijo, e eu exatamente aqui...ai ai é complicado pior se fosse virtual, há meu Deus
eu não aguentaria, não pelo fato dos dias comemorativos e lábios se tocando, mas do contato pessoal que é tão importante, os olhares,os gestos, os toques, no resto nem se fala...


Feliz dia do beijo! não importa como seja, o importante é amar!



















Monica Lima

sábado, 9 de abril de 2011

Respirar.



Saudade daquele tempo de correr na praia, o dia parecia mais longo e mais feliz
o corpo repleto de areia molhada que não fazia a menor diferença, as risadas 
o olhar para o céu, os desenhos as promessas de ser crianças felizes
uma quase inocência no ar, dá pra sentir, é só fechar os olhos,da brisa passando e o raio de luz iluminando os olhos entre abertos, é só parar e relembrar aqueles sorrisos perdidos, sem promessas, sem pressa sem juízo.

Deitar e olhar os desenhos que se formam nas nuvens e imaginar histórias com elas
deixar o pensamento leve, sem preocupações, longe deste mundo, bem longe
depois de tanto correr, sorrir, brincar, o anoitecer gostoso e friento que dá vontade de aquecer o coração, brincar com as sombras, com as estrelas e com as mãos , ah...saudade, que já foi e não volta.

Monica Lima

terça-feira, 29 de março de 2011

Egoísmo inconsciente


As vezes me deparo com o egoísmo que o amor nos trás, parece que a pessoa amada não tem vida social
problemas e ocupações, primeiros lugares  antes do seu, é até engraçado...
parece que pensar nela o dia todo ainda é pouco, sonhar acordado imaginar momentos juntos, e ainda recordar os que passaram juntos, é estranho, sua felicidade quase passa a pertencer a tal pessoa, a atenção dele tem que estar totalmente focada em você.
Mas depois de uns dias irritantes, problemas em casa e na rua, e suas preocupações pessoais, posso entender quando não se liga em pequenas coisas, ou deixa passar pequenos gestos que poderiam ter sido feitos, aquela longa conversa demorada que não rola, ou aquela surpresa que nem deu tempo em programar...
Ah não vou esquecer, claro que quando não tem tempo pra mim, é porque vai resolver algo mais importante, estou ciente que sou muito, mas há coisas essências..querida pessoa eu lhe entendo completamente.
Quando me abraça com os olhos fechados, quase pedindo ajuda, mesmo sabendo que não tenho como ajudar,ou querendo compartilhar algo mas não faz, pois sabe que também tenho problemas, ou quando está preocupado com a hora pra não se atrasar e olha o relógio meio de lado, sim sim eu entendo tudo isso!
Desculpe não entender muito na hora, mas o dia todo,ou melhor a semana toda o mês todo pensando em você me deixa assim, na expectativa, que há um mundo só nosso, sem problemas individuais e coisas assim, até dos meus próprios, prefiro esquecer, pois sei que tens os teus....

Mas esse egoísmo não me larga, só depois, quando paro pra pensar no quanto você se esforça para chegar aqui do meu lado, depois de tantos problemas na semana, coisas que abalam seu coração, como você consegue sorrir ao me ver, mesmo tudo estando desabando la fora, quando diz quase emocionado que me ama, me abraça como se aquele momento fosse único,mágico, esperado.Quando não sabe como dividir algo, ou não tem coragem ou medo de magoar, deixa de falar que não pode ou precisa ir,quando arruma tempo pra me mandar músicas ou poemas feito por você, coisas que saem do coração, também são gestos,não são pequenos são enormes! Quando me deixa ser amiga e participar realmente da tua vida, como muitos e muitas amariam estar ao teu lado, e ter a certeza que se precisar de ajuda em qualquer momento, até naqueles que você mesmo esta precisando mais que eu, não vai pensar duas vezes e vim a mim, nem que seja para dar um abraço de sinto muito, ou palavras que consolam, sabe, até mesmo quando não é algo de importância para muitos, mas pra mim é, passa a ser pra você também.Não sou de falar o valor que vejo em suas atitudes e no seu esforço, mas gostaria que soubesse, de uma forma quase indireta, também estou aqui pra você, ainda não é o melhor de mim te entender depois, preciso entender na hora, mas o egoísmo desse amor não deixa.
Tem algo bom ai, é amor...Estou tentando, só preciso me adaptar a isto, enquanto isso, fico aqui lembrando das nossas conversas e recordações de momentos que já foram, mas que só dividimos com os amigos, e principalmente dos nosso medos, aquele ponto totalmente fraco que deixamos aparecer, pois sabemos que um não terá coragem de usar contra o outro, mas ajudar a superar, esquecer,entender e uma das coisas que está na nossa base: a reciprocidade que nos acompanha.

Monica Lima

segunda-feira, 28 de março de 2011

Não sei muito como vim parar aqui, mas a  verdade é que nunca me senti bem, as vezes penso que vim na hora errada, e que já esta na hora de voltar pra concertar o erro.
Talvez Deus tenha olhado para o lado, e eu poft! escapoli..
Ai já era como dizem, o negócio foi seguir em frente, sem rumo
sem idéias e sem característica própria, uma vida roubada, sem a manipulação do altíssimo, será??
Continuou nessa melancolia, vida minha ou não minha?
É um retardo, e um avanço repentino, um acordar distante e ao mesmo tempo:buh! Cheguei me aguente se puder!
Acho que vim pagar por um preço muito caro, talvez algo psicótico totalmente planejado.Ah...quem vai ler essa porcaria.




Se existe vida passada mesmo, devo ter sido alguém extremamente cruel, então por que
não nasci na África do Sul? hahaha
tem coisa pior que lembranças e dor psicológica?
perda de memória recente....Ah...sei lá..e quem sabe.
Ainda há a dúvida se todas mentes são assim, perturbadas e auto falantes..

Monica Lima

sábado, 19 de março de 2011

AMOR E ÓDIO, BEM E MAL... ou DUPLA PERSONALIDADE :)

O que seria?
será que pode mesmo uma pessoa com duas "vidas" distintas?
gostos, opções, opiniões. e tudo mais que você imaginar.
é quase a mesma coisa que amar e odiar a mesma pessoa
você tem motivos para amar e motivos para odiar
só que no amor isso não funciona, uma decisão delicada 
e digamos "rápida" é a melhor solução, na sua personalidade
não é tão difícil conviver, separe as duas pessoas e a que mais pesar será você, a que menos pesar será alguém que te conta os segredos.
Qual o momento de usar uma delas?
Aquele que você se sente bem sendo aquela pessoa
sem se prejudicar e ao próximo, se isso for mais forte que você
procure um médico urgente! rs

Pra mim o amor e o ódio estão ligados assim como
o bem e o mal dentro de você.
Mas  lembre-se quando esse ódio  ligado a alguém, ou esse mal ligado a você
começar a ter lados negativos que atrapalham sua vida física e mental é hora 
de para e pensar: Eu mereço mesmo isso? Eu faço por merecer?
se a resposta for não. Você deve esta no caminho errado.

Uma coisa que acho importante para todos, o que é o bem para mim pode não ser para você
e vise versa.
Conceitos do legal e do péssimo ficam a favor de cada ser humano, o que realmente não é nada
legal é prejudicar de qualquer forma, a lei dos homens não é a mesma que freqüenta sua mente
e você pode perder a liberdade por querer a ter demais.

OBS: kkkkk
querido amado. nesse texto não estou me referindo a você
não tenho motivo algum para te odiar. Não somos iguais e muito menos perfeitos.
Mas meu amor por você prevalece.


Monica Lima

sexta-feira, 18 de março de 2011

Não quero presença

Alguns atos podem machucar no presente a outras pessoas
mas no futuro a unica pessoa mais prejudicada é você mesmo
ah...mas não pense que outras pessoas não vou sofrer
não tanto quanto você, mas vão, pessoas que transformam
sonhos em pesadelos, que as vezes é ate bom continuar dormindo pra não sentir a dor de viver.
A dor de conviver com as cenas repetitivas e tão reais 
que insistem em aparecer e aparecer..
Muita coisa pode ser evitada, só basta criar o habito de pensar antes de agir.O egoísmo que vejo cada vez mais nos olhos que se identificam como brilhantes e bondosos são cada vez maior.
Me assusto cada vez mais com a presença do homem.
Algo vazio e agonizante, uma dor que não é só minha
mas é nossa.


Monica Lima

Aonde está você?

As vezes quando mais precisamos de alguém ao lado
alguém que só saiba quando você não esta bem
mesmo você dizendo que está.
ou apenas atenção duplicada naquela hora.
Mas como elas vão imaginar que estamos em algum
momento ruim da vida, tenho a ligeira impressão
que nesse mesmo momento me sinto só,desamparada
e tento conviver com isso,ou melhor sobreviver a isso
é bom compartilhar os problemas, mas tem coisas
que tem que ficar só pra você, é , infelizmente é assim.


Pior que, o que mas te faz ter raiva é querer ficar só
e realmente ficar só, você não esta sozinho por querer
e sim por ninguém notar a sua dor.



Monica Lima

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

A visita de uma estrela



Ainda lembro de quando era criança a mamãe falou da chegada de uma irmãzinha, no começo senti um pouco de ciúmes mas depois adorei a novidade! era ótimo brincar com ela, e ate dividir o tempo do papai.
ate que um dia ela ficou doentinha, o medico não soube dizer a causa, no terceiro dia de cama minha mãe saiu do quarto chorando me abraçou e disse que ela se foi, não entendi muito o que aconteceu , passou os anos e ainda via minha mãe triste calada, era nela que estava pensando, parei na varanda e olhei para as estrelas , perguntei para mim mesmo por que ela foi embora, então ouvi uma voz que disse :eu não fui embora estou aqui olhando vocês. Espantado pensei que estava louco então aquela voz me  pediu para fechar os olhos, e assim fiz, quando olhei uma luz muito forte foi clareando , e eu soube que era minha irmãzinha que estava ali, perguntei por que foi embora ,ela respondeu: não fui embora, estou bem aqui. Apressado falei : então fique! volte a nos fazer sorrir! a luz respondeu : achei sua familia linda , e quis saber como seria ser amada por vocês , os observei durante muito tempo mas este não é meu lugar, estarei sempre olhando e um dia voltarei. Só me lembro de ter acordado na cama zonzo de manhã, meu pai me disse que adormeci la fora, mas eu sei que não foi sonho, durante anos olhei para o céu a espera dela que prometeu voltar, mas só hoje entendi que ela já voltou, esta no meu coração, e la em cima brilhando!

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011







                   As Sete Maravilhas do Mundo 

Um grupo de estudantes de geografia estudava as sete maravilhas do mundo. No final da aula, aos estudantes foi pedido para fazerem uma lista do que eles pensavam que
fossem consideradas as novas sete maravilhas do mundo.
Embora houvesse algum desacordo começaram os votos:


1. A Grande Muralha - China 
2. Cristo Redentor - Brasil
3. Petra - Jordânia
4. Taj Mahal - Índia
5. Coliseu de Roma - Itália
6. Chichén Itzá - México
7. Machu Pichu - Peru 


Ao recolher os votos, o professor notou uma estudante muito quieta. A menina, não tinha virado sua folha ainda.
O professor então perguntou à menina se tinha problemas com sua lista.
A menina quieta respondeu:
"- Sim, um pouco, eu não consigo fazer a lista, porque são muitas maravilhas."
O professor disse:
"- Bem, diga-nos que o que você tem, e talvez nós possamos ajudá-la." 


A menina hesitou, então leu:
"- Eu penso que as sete maravilhas do mundo sejam: 


1. tocar
2. sentir sabor
3. ver
4. ouvir 


Hesitou um pouco e então... 
5. sentir
6. rir
7. e amar 


A sala então ficou completamente em silêncio. 


É fácil para nós, olhar as façanhas do homem. Nós negligenciamos tudo o que Deus fez para nós.
Que você possa se lembrar hoje, daquelas coisas que são verdadeiramente maravilhosas.
"Faça tudo de bom que você puder para todas as pessoas que você puder, quando você puder."



domingo, 6 de fevereiro de 2011

Uma alma com dois corpos.




Às vezes você acha que vai ficar bem sozinho
Porque o sonho é um desejo que você faz sozinho
É fácil sentir como você não precisa de ajuda
Mas é mais difícil de andar por conta própria
Você vai mudar por dentro, quando você perceber
O mundo vem a vida e tudo está bem
Do início até o fim
Quando você tem um amigo ao seu lado
Que ajuda você a encontrar a beleza em si próprio
Quando você abre seu coração e acredita
Alguém que sabe quando você está perdido e assustado
Lá nos altos e baixos
Alguém com quem você possa contar
Alguém que se importa
Ao seu lado onde quer que você vá
E quando sua esperança se acabar
Cair no chão
Você, você se sente sozinho
Quando você não sabe que caminho seguir
E não há como se controlar
Você não está sozinho
Você tem um amigo ao seu lado.
Adicionar legenda



sábado, 5 de fevereiro de 2011

,,, :):

      Da lua fiz companheira para as noites compartilhar..com você sonhar e por você chorar.
 Você apenas quer entorpecer sua dor.

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Uma rosa na neve

O amor se apresenta singelo e delicado 
espinhoso  e complicado assim como uma rosa
com cor ou sem cor?
quente por favor...

Que no frio se destaque sobre a neve
brilhe entre os olhares e conceda
o prazer de uma valsa, lenta e admirada
pelos sonhadores.
Ao som da chuva ou duma cachoeira
ou melhor que seja ao som do amor.
que dormimos ouvindo e acordamos sonhando..

Sobre  essa pele pálida o brilho da lua
e a delicadeza da rosa.
para esses olhos que gemem por si mesmos
o mistério da beleza dos pingos que surgem do céu
admirando os olhares e deixando rastros molhados
com cheiro de mel...

Monica Lima





Sem pressa..

O caminho que sigo não sei para onde vai
nem mesmo sei como comecei, e tão pouco
como o escolhi, ou melhor..ele me escolheu
é assim que a vida gira em torno de nós
testando aprovando e excluindo...




Caminho longo e passos curtos
é assim que sigo,devagar sem pressa de chegar
seja o que for a minha espera
estará lá, e de acordo com minhas paradas
no caminho merecerei ou não.


Alguns espinhos,algumas flores e as vezes o vazio
mas seguir sozinho não é preciso,não é continuar o
caminho do outro, é sentir que o outro tem o mesmo
caminho que o nosso.

Monica Lima

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

"Aquele que não pode amar,já não tem vida"

De vindas em vidas encontrei você
e só em saber que estas aqui nessa mesma vinda
me tornas mais feliz.




Difícil definir a capacidade de outro ser sobre si
de alegrar encantar e sonhar.






Almas em constante sintonia unidas fazendo a vida ter sentindo.

Monica Lima

Lágrimas amenizam a dor



Qual o sentido de chorar, chorar pra se sentir bem?
chorar pra desabafar com o ninguém
que fica guardado dentro de você 
que silencia seus gritos de agonia e dor
nem ele mesmo entende o porque
e muito menos você.
É um choro guardado que desliza como navalha
em sua alma, corta seus pulsos,sua vontade de viver
e por um instante seu poder de sonhar com um
amanhã melhor.Crer que vai continuar a ser o que é
corta suas forças e sua fé, te torna um ser fraco e sombrio
que a todo tempo é chuva dentro de si mesmo.
chuva que preenche os espaços vazios
que vira um rio e permanece la
sempre pronto para desabar.

Monica Lima

Coração meia taça.

Aonde se encontra as almas aflitas? 
Aquelas que gritam caladas?
Para onde vão suas lágrimas
Que agonizam e suplicam
Por uma vida mais calma?


Daqui escuta-se apenas os trovões
Os ouvidos já acostumaram 
Com o som do seu dilúvio
Que não ameniza em seu ventre calado.


Elas estão no coração do bem amado
Que ouve os suplícios e permanece calado.
Aonde esta aquela dor
Sim aquela que desatina sem doer?
Pois aqui só não doi

Como também corroi a alma.
Monica Lima